Gestores públicos devem se preparar para “Internet das Coisas”

Publicado em 29/05/2015 às 09h22

O termo ainda é estranho e, certamente, leva muitos a recorrer a pesquisas no Google. Mas não tem como fugir: a “Internet das coisas”, apontam especialistas, deve ser, daqui para frente, o “boom” da inovação, tornando o mundo mais interativo com a inserção dos objetos para a conectividade.

Se os smartphones trouxeram mobilidade e mais de 7 bilhões de celulares acessam a internet em 2015, conforme divulgou a União Internacional de Telecomunicações (UIT), a Internet das Coisas deve revolucionar as relações, a economia e o desenvolvimento das cidades, multiplicando esse número de conexões em pelo menos 10 vezes.

A avaliação é do vice-presidente da Terra Roxa Investimentos, Fernando Kireeff, que abordará o tema durante o I Fórum de Cidades Digitais do Médio Paranapanema, em Londrina, no próximo dia 09 de Junho.

O empresário alerta que os gestores públicos devem se preparar para as mudanças. “O nível de informação que vamos ter e de controle vai crescer exponencialmente. Todos os processos vão mudar, desde semáforos, questão do lixo, iluminação pública, equipamentos públicos. Vai aumentar a interação com os cidadãos. Isso pode definir a atratividade de uma cidade”, ressalta.

A tecnologia também tende a proporcionar o surgimento de novos negócios e diversas cidades no mundo, acrescenta Kireeff, já criam estratégias e direcionam esforços para se diferenciarem. “No Brasil o desafio é maior. As cidades que souberem fazer vão ter uma posição melhor”, reforça o vice-presidente da Terra Roxa Investimentos, entidade que atua na atração de investidores, negócios e expertises para o Norte do Paraná, foco do próximo Fórum de Cidades Digitais promovido pela Rede Cidade Digital em parceria com a Associação de Municípios do Médio Paranapanema (AMEPAR).

A Terra Roxa Investimentos é uma das apoiadoras do evento, juntamente com a Associação das Empresas de Tecnologia da Informação, Software e Internet no Paraná (Assespro-PR), Federação das Indústrias do Paraná (Fiep) e Senai Londrina. “O Fórum é muito interessante e a Terra Roxa acompanha isso de perto. O investidor internacional busca uma infraestrutura digital, não só de terra, de logística”, observa o empresário.

Fórum de Cidades Digitais do Médio Paranapanema – As inscrições para o evento são gratuitas para servidores públicos e podem ser feitas pelo site http://forum.redecidadedigital.com.br.

Segundo o diretor da Rede Cidade Digital (RCD), José Marinho, o objetivo é “municiar prefeitos e secretários municipais de informações e como o investimento nas Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC) impactam positivamente nas administrações e serviços públicos, promovendo o desenvolvimento econômico e social das localidades”.

 

Fonte: RCD

Categoria: Cidades Digitais, Investimento, Norte do Paraná, Paraná, TIC
Tags: Cidades Digitais, Rede Cidades Digitais, Terra Roxa Investimentos

Enviar comentário

voltar para Notícias

left tsN fwR uppercase show|left tsN fwR uppercase bsd b01s|left fwR uppercase show bsd b01s|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd c10|fsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase b01 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase bsd b01|content-inner||