Prefeitos inovadores foram homenageados durante o Congresso RCD

Publicado em 05/12/2014 às 11h44

As inovações tecnológicas desencadeadas em diversas localidades, com foco na melhoria dos serviços públicos, foram reconhecidas durante o II Congresso Paranaense de Cidades Digitais, promovido pela Rede Cidade Digital (RCD). Diversos gestores públicos prestigiaram o evento em Foz do Iguaçu e receberam do diretor da RCD, José Marinho, certificados de reconhecimento ao trabalho de estímulo à inclusão digital e à implantação de política pública municipal de cidade digital, visando o desenvolvimento econômico e social por meio das Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC).

São os casos de Guaratuba, no litoral do Estado, Iboporã, na região Norte, e de Santana do Itararé, município de cerca de seis mil habitantes, localizado no Norte Pioneiro.

Ibiporã transformou o setor de TI em fonte de dados para a estrutura de governo, auxiliando na realização de melhorias em diversas áreas como saúde, finanças, educação e segurança pública. O Executivo fornece o sinal gratuito de internet em 80% da área urbana e possui um projeto inovador na área da Educação, no qual 70% das salas de aula, atualmente, contam com lousas eletrônicas.

Além do programa próprio para oferecer estrutura e internet gratuita à população, Ibiporã foi a primeira cidade do Paraná a operar o programa Cidades Digitais, do Governo Federal. O anel de fibra óptica de mais de 10 km atende e interliga as secretárias e prédios públicos. “Já começamos a pensar num segundo passo de desenvolvimento de ações pensando na Cidade Inteligente. Aí vai para o trânsito, educação, iluminação pública, mobilidade urbana. Todas essas questões fazem com que nós possamos aproveitar mais da cidade digital, fazendo dela um instrumento operativo da gestão pública”, adiantou o prefeito de Ibiporã, José Maria Ferreira.

Com recursos oriundos do BNDES, Guaratuba investe no projeto de rede inteligente para melhoria em setores como iluminação pública, controle de energia e água e frota de veículos, por exemplo. Com o projeto tecnológico, o município interligou os prédios públicos e planeja a distribuição do sinal de internet em determinados pontos. Segundo a prefeita, Ivani Justus, o sistema de monitoramento da cidade com câmeras tem contribuído para a segurança da local, ponto turístico paranaense. “Nós resolvemos chamar para nós a responsabilidade. É importante os prefeitos não depender só dos governos, tem que tomar a iniciativa", frisa ela. 

Ivani também é presidente da Associação dos Municípios do Litoral (AMLIPA). Ela adianta que as localidades que integram a entidade discutem um projeto de Cidade Digital que beneficie a região. “É importante essa troca de experiência porque todos nós temos particularidades, nossos problemas, então nós temos soluções também”, disse a prefeita durante o II Congresso de Cidades Digitais em Foz do Iguaçu.

O prefeito de Santana do Itararé, José de Jesus Isac, também falou das melhorias realizadas a partir do Cidade Digital. O município iniciou o projeto em 2009 com recursos próprios, promovendo a inclusão digital e aumentando a arrecadação do município, já que para receber o sinal em casa o morador precisa estar em dia com os impostos municipais.

De acordo com Isac, 800 famílias estão cadastradas na proposta e recebem aproximadamente 5MB cada, além de outros quatro pontos wi-fi que distribuem o sinal em prédios públicos e praças. São 30MB de fibra óptica, aliado à rede de rádio que leva o sinal para a zona rural. “O povo está conectado. Acho que mudou. Hoje o mundo é globalizado, estamos em outra era. Desde 2009 já via a necessidade de fazer isso e vi o resultado no município. Os alunos pedem e cobram para estudar. O evento foi muito bom para incrementar mais ainda o que eu já tenho lá, conhecer mais melhorias para o povo. Eles pedem mais sinal aberto na cidade”, conta o prefeito, acrescentando que as ações de transparência promovidas, em decorrência do projeto, geram uma média de dois a quatro mil acessos/mês ao portal da prefeitura. Com a infraestrutura, ressalta o prefeito, foram instaladas câmeras de segurança nas saídas e entradas da cidade.

 

Fonte: RCD

Categoria: Cidades Digitais, Norte do Paraná
Tags: Cidades Digitais, Cursos e Eventos, Norte do Paraná

Enviar comentário

voltar para Notícias

left tsN fwR uppercase show|left tsN fwR uppercase bsd b01s|left fwR uppercase show bsd b01s|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd c10|fsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase b01 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase bsd b01|content-inner||