Rota Estratégica Agroalimentar é lançada no Encontro Paranaense

Publicado em 22/11/2018 às 15h52

O Sistema Federação das Indústrias do Paraná (Fiep) lançou, no dia 31 de outubro, em Curitiba, o Roadmap Agroalimentar 2031. O estudo, que faz parte do projeto Rotas Estratégicas para o Futuro da Indústria Paranaense, aponta as principais ações necessárias para o desenvolvimento desse setor no estado. O lançamento aconteceu durante o Encontro Paranaense da Indústria de Alimentos. O evento reuniu cerca de 350 participantes, dentre empresários, pesquisadores, representantes do governo e estudantes ligados ao setor.

A indústria de alimentos é a mais importante do setor industrial paranaense, com 3.900 empresas responsáveis por 28% do PIB industrial do Estado. É o maior gerados de empregos. São 180 mil postos de trabalho e 500 mil se considerar toda a cadeia agroalimentar. O setor paranaense gera R$ 78 bilhões em receitas líquidas de vendas. O Paraná é o terceiro estado em faturamento no setor agroalimentar, ficando atrás apenas de São Paulo e Minas Gerais.

O grande desperdício no setor também foi um dos pontos debatidos no evento. De acordo com dados da FAO (Fundação das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação), em todo o mundo o desperdício de alimentos nas diversas etapas do processo de produção, transporte, industrialização, distribuição e armazenagem é de 1,3 bilhão de toneladas por ano, o que seria suficiente para alimentar 800 milhões de pessoas.

Os 16 presidentes de sindicatos industriais do setor de alimentos presentes no Encontro receberam a publicação da Rota Estratégica Agroalimentar.

A construção do Roadmap Agroalimentar 2031, contou com a participação de 139 especialistas - representantes de empresas, governo, meio acadêmico e terceiro setor - resultando em 151 participações em todo seu processo de elaboração. É uma iniciativa do Sistema Fiep cujo propósito central é mapear os caminhos de construção do futuro desejado para o setor industrial identificado como promissor para a indústria do Paraná, tendo como horizonte temporal o ano de 2031.

Esses especialistas construíram cinco visões de futuro, sendo elas:

  1. Internacionalização das indústrias agroalimentares;
  2. Cadeia agroalimentar paranaense no modelo de economia circular;
  3. Produtos agroalimentares paranaenses competitivos e reconhecidos pela procedência;
  4. Referência nacional e internacional em produtos orgânicos;
  5. Referência no desenvolvimento de alimentos funcionais e de alimentos para fins especiais.

Contando, adicionalmente, com uma seção de ações transversais as cinco visões de futuro.

Roadmap também é composto de 24 fatores críticos de sucesso que resultaram em 641 ações de curto, médio e longo prazo com potencial para contribuir com a competitividade do setor Agroalimentar no Paraná.

Marilia de Souza, gerente Observatório Sistema Fiep, afirma que "o desafio maior, nós conhecemos, é fazer a caminhada. Ou seja, avançar a partir do planejamento coletivo e seguir para a ação, na transformação das realidades."

A publicação está disponível para download neste link.

Rotas Estratégicas para o Futuro da Indústria Paranaense

Ao longo dos anos, o Sistema FIEP, via Observatório, vem conduzindo iniciativas orientadas ao desenvolvimento industrial sustentável do Paraná. O planejamento de longo prazo da indústria começou em 2005, por meio de um processo de prospectiva consagrado à identificação dos Setores Portadores de Futuro 2015. Setores estes que foram na sequencia desdobrados em roadmaps estratégicos.

Em 2016, com o fim do primeiro ciclo de prospectiva, foi realizado um novo processo de identificação de Setores Portadores de Futuro, para o qual será necessário rever as Rotas Estratégicas existentes e construir Rotas para novos segmentos e áreas promissores. O setor Agroalimentar, estratégico para o Paraná, foi o segundo de atividade econômica contemplado no novo ciclo de prospectiva.

Saiba mais e acesse as publicações do Observatório Sistema Fiep no site: www.fiepr.org.br/observatorios/ 

Com informações da Agência Fiep

Enviar comentário

voltar para Notícias

left tsN fwR uppercase show|left tsN fwR uppercase bsd b01s|left fwR uppercase show bsd b01s|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd c10|fsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase b01 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase bsd b01|content-inner||