Salário dos trabalhadores na China ultrapassa salário no Brasil

Publicado em 16/03/2017 às 09h19

Após a China obter maior liberdade econômica, novos dados sobre os salários médios pagos em diferentes países mostram que os trabalhadores chineses já recebem um salário médio por hora mais alto do que os trabalhadores no Brasil, Argentina, México, Tailândia e Colômbia, acabando com o mito do “trabalho escravo” chinês.

Tanto o nível de salários na indústria quando nos demais setores da economia subiram nos últimos anos na China, ultrapassando todos os países da América Latina com exceção do Chile – o país mais capitalista da região – e já alcança 70% do valor pago em parte dos países que compõem a Zona do Euro.

Os dados foram compilados pela Euromonitor International e têm como fonte a Organização Internacional do Trabalho (OIT), a Eurostat e as agências de informações nacionais, tendo sido convertidos para dólares e ajustados de acordo com a inflação.

O salário médio na indústria da China triplicou, passando de $1.2 / hora em 2005 para $3.6 / hora em 2016, enquanto no mesmo período os salários caíram no Brasil (de $2.9 / hora para $2.7 / hora), no México (de $2.2 / hora para $2.1 / hora) e na África do Sul (de $4.3 / hora para $3.6 / hora). Outros países também apresentaram quedas nos salários médios dos trabalhadores da indústria: na Índia eles se encontram em torno de $0.7 / hora desde 2007 e em Portugal caíram de $6.3 / hora para $4.5 / hora, apenas 25% acima dos valores na China.

 

Fonte: ILISP

Enviar comentário

voltar para Notícias

left tsN fwR uppercase show|left tsN fwR uppercase bsd b01s|left fwR uppercase show bsd b01s|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 bsd c10|fsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase b01 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase bsd b01|content-inner||